1.11.06

CALA-TE!!!


Não entendo nada disto... Dizem-me que ando estranho, ando a agir de forma anormal e estranha! Compreendo o que me querem dizer e também noto isso. Não tenho sido quem costumava ser, o Ruisinho brincalhão, o cromo de serviço do costume fugiu de dentro de mim repentinamente. Esse desaparecimento levou-me a pensar em muita coisa, de tal maneira que não me consigo distrair de tudo o que me incomoda como era do costume, não consigo esconder o que sinto para fazer com que os outros se sintam alegres. Por momentos deixei de ser quem era... O que é que me pôs assim? Porque é que desta vez não consigo enfrentar as coisas e "pegar no touro pelos cornos"? Era essa a minha maneira de ser! É assim que quero voltar a ser... Talvez tenha encontrado a resposta ás perguntas! No meio de tanto pensamento ordenadamente aleatório descobri que é proibido tocar nos assuntos que nos marcaram, para continuarmos fortes, porque precisamos de ser fortes para lutar. É nada mais do que uma mentira a nós mesmos! Temos a mania que já aprendemos a lidar com essas situações. Isso é mentira... Escondemos bem cá dentro, atrás do gelo que nos cobre a alma, aquilo que pensamos já ter dominado. No entanto, e quando menos esperamos, o gelo faz deslizar essa verdade, mesmo na nossa direcção, na frente dos nossos olhos, ali escarrapachada, a rir-se na nossa cara! E eu, que sempre odiei a mentira e a hipócrisia, não tenho sido outra coisa senão mentiroso e hipócrita comigo mesmo! É ironico o que faço... Depois da paixão que tive minto ao meu coração e fecho-lhe as novas paixões, silencio os meus sentimentos com medo do que eles me possam mostrar, despejo o que me vai na mente para não pensar em nada... Mas uma coisa aprendi: é impossivel calar a verdade! Vou vagueando á deriva algures por aí, entre ruas familiares que desconheço completamente, apenas para fugir de mim mesmo, e tentar sorrir! Tapo assim as feridas que teimam em não sarar e que eu não quero tocar! Mas continuo... sempre com a esperança, a esperança de me voltar a encontrar...

1 comentário:

Lipa disse...

Oi trengo:P
Tudo bem?Espero bem que sim senao vamos ter problemas...
Bem,eu prometo que me vou esforçar para tentar fazer um comment de jeito mas nao prometo nada que ja sabes que nao tenho jeitinho nenhum pa escrever,mas como diz o meu stor de filosofia nos so aprendemos a ler lendo,so aprendemos a andar andando,por isso,eu vou aprender a escrever escrevendo loool
Hummm que vou dizer acerca do post???Realmente noto que andas diferente desde ontem mas bastou.me duas ou tres falas tuas para eu notar isso e nao me tentes tapar os olhos porque eu nao ando a dormir sim?Vamos la ver:P
Ja sabes que estou aqui pa tudinho mesmo e desculpa se te fiz sentir mal com alguma coisa que disse ou que fiz mas nao foi essa a minha intensao...eu so te queria ajudar e secalhar nao o fiz da melhor maneira...
Desculpa mesmo se disse palavras que nao devia dizer em certas alturas...
Pah,quanto ao titulo do post tinha que ser da minha autoria nao?LOOOOOL tu realmente nao vives sem mim:P
Mas essa deve ser a palavra que mais repito quando te poes a dizer asneiras...
Ve la se te portas bem...
Bjinhos:)